Prioridades apenas

Bom, dia 17 está próximo, provavelmente em poucos anos essa data irá substituir o feriado de 7 de Setembro, como o dia que nos livramos da República da Cobra!

Mas vamos entender um pouco essa dança das cadeiras…

Quando Lula foi eleito Presidente, percebeu maquiavelicamente que não conseguiria governar com grandes partidos em volta, então criou a possibilidade de termos partidos nanicos parasitários que dividem mais ainda a política pois não tem nenhum plano executivo ou legislativo, apenas querem mamar nas tetas da União.

No Impeachment de Collor, o Brasil tinha 9 partidos, ou seja, 9 lideranças com postura, fundamentos e convicções que não cabe julgamento neste momento.

Na era do PT, hoje temos cerca de 35 partidos. Será que existe em sã consciência a existência de 35 ideologias e pontos de vista diferenciados, mesmo que no Planeta inteiro? Óbvio que não!

Partidos sem força política estão lá para ver as migalhas que sobram e assim o governo do PT consegue administrar mais facilmente pela base da ameaça.

Então, agora vemos uma pouca vergonha de compra de votos feitas na suite de um Hotel de Luxo, provavelmente pago com nossos impostos, em que Lula proíbe que entrem com celular para poder colocar dinheiro na mesa e convencer esses partidos parasitas a manter Dilma no comando (lembrando que Dilma não está no poder, este nunca saiu das mãos de Lula).

No entanto, o que o PT não contava era com duas coisas, as armas que criaram se voltariam contra eles mesmos. Mensalão, Petrolão, BNDES, Friboi, Odebrecht, Lava-jato… ninguém contava com isso, apenas com o dinheiro que deveriam dar a instituições terroristas como MST ou CUT, e o resto colocar na cueca!

Só que em toda quadrilha sempre tem alguém que quer esse poder para si… É o Eduardo Cunha. Um político que já teve o nome envolvido em todos os mais famosos escândalos de corrupção do Brasil e hoje é presidente do Congresso Nacional.

Como ele conseguiu isso? Na mesma fórmula de Lula, com a fragmentação partidária. Como o PMDB é o partido com maior quantidade de congressistas, ele dita o ritmo do Legislativo.

Cunha acusado, corre o risco de ir preso, mas maquiavelicamente vai levar todo mundo! O poder ao qual ele ainda tem, e sabe usá-lo como ninguém, fez com que sua investigação fosse adiada até o momento em que Dilma saia do governo.

Daí, ele fica só torcendo pelo menos pior, mas Cunha sabe que tem o dias contados vendo o sol nascer redondo.

O que Cunha mais quer é ser condenado com dignidade, com a proeza de arrancar todos os escudos de Lula e vê-lo apodrecer na cadeia. Dilma não fica atrás, a não ser que ela fuja, terá o mesmo destino do seu padrinho sem dedo.

Michel Temer por outro lado, joga no escuro. Está esperando Dilma cair para tentar reconstruir a sua imagem política totalmente estragada pelo pacto que o PMDB fez com o demônio para poder ganhar a eleição.

Temer não é a melhor escolha, mas é o que tem para hoje. No entanto ele é muito mais capacitado e tem melhor trânsito político do que Itamar Franco, que segurou uma barra tão grande… outras épocas, outro tipo de acesso a informação.

O mais engraçado da história nisso tudo é Renan Calheiros, que mesmo no PMDB se aliou a Lula e faz parte de uma bancada interna do PMDB contra Michel Temer e Cunha.

No fim das contas, o que não falta na nossa história política são “traíras“.

Dilma ainda pretende acionar a lei de Estado de Defesa, para impedir o Impeachment. Mas se com tudo o que ela fez os militares não se mexeram para rirá-la do poder, agora então, acredito que será nulo… principalmente porque ela só conta com forças paramilitares terroristas.

Há muita coisa a ser feita no Brasil, mas temos duas prioridades: o Impeachment de Dilma e a prisão de Lula. Depois passaremos para a segunda parte da faxina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s